Acupuntura

A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) compreende diversas técnicas terapêuticas que são usadas em associação ou isoladamente no tratamento das doenças, conforme o caso. Segue abaixo algumas das técnicas utilizadas:

Acupuntura: consiste na introdução de agulhas ultra-finas em pontos específicos no corpo por onde passam canais de energia (meridianos). Através dos canais de energia podemos influenciar os órgãos internos  e locais distantes daqueles em que a agulha está inserida. Os pontos são selecionados com o objetivo de desbloquear o que está estagnado (gerando dor) tornando o Qi do paciente mais equilibrado. Quanto maior o estado de equilíbrio mais saudável a pessoa se torna.

Acesse aqui! Perguntas mais frequentes sobre acupuntura

Ventosaterapia: É uma técnica de sucção que produz vácuo em determinada região do corpo. A ventosa segundo a MTC tem a propriedade de limpar o sangue das toxinas acumuladas no organismo produzida pelos alimentos e outras fontes poluentes. A estagnação do sangue estagnado, escuro e sujo, nos músculos das costas ou das articulações é considerado pelas Medicinas Orientais como um dos elementos causadores de doenças. A ventosa é usada para o alívio de dores musculares, melhorar o sistema circulatório e até mesmo, para redução de celulite e gordura localizada, lombalgias, dor abdominal, hipertensão arterial e muitas outras patologias.

Moxabustão: É uma técnica terapêutica da Medicina Tradicional Chinesa baseia-se nos mesmos princípios e conhecimentos dos meridianos de energia utilizados na acupunctura.  Utiliza a queima da planta Artemísia em determinados locais do corpo com o objetivo de gerar o calor necessário para a estimulação dos pontos de acupuntura, fortalecendo a circulação do Qi (Energia Vital) e do sangue.

Auriculoterapia: O pavilhão auricular é considerado um microssistema do corpo, uma zona reflexa, isto é, qualquer alteração dos órgãos, das vísceras, dos quatro membros, etc, será refletido em pontos específicos na orelha. No método de tratamento pode ser utilizado desde as tradicionais agulhas de acupunctura no pavilhão auricular como a colocação de agulhas intradérmicas, sementes ou esferas.